terça-feira, 6 de agosto de 2013

Refluxo

Pessoas queridas,
Segue como prometi um post sobre refluxo para ajudar um pouco as meninas que passam pelo mesmo. Nao estou tentando ensinar nada, afinal, quem sou eu para fazer isso,  mas vou apenas postar e repassar as coisas que aprendi na internet, que ouvi de amigas ou pessoas que gentilmente me escreveram, visitas ao pediatra etc., pois assim como isso me ajudou, quem sabe posso ajudar outras pessoas por aqui (lembre-se que não sou médica e nem estou tentando me passar por uma, são só dicas para ajudar um pouquinho, ok?).
As coisas abaixo eu coloquei em prática com meu pequeno e elas ajudaram. Não há muito a fazer para resolver o problema, apenas ajuda-los a passar por isso, mas dar muita atenção, muito carinho e fazer algumas coisinhas para deixa-los mais confortáveis apenas. Não se preocupe com mimá-lo, pois como ele está doentinho, vai precisar mesmo do seu apoio e vc não vai estragar os bons hábitos que vc implantou. E de novo, muito carinho e atenção vão ajudá-lo a passar por isso...
Segue então:
- eleve todos os locais que a criança deita: cama (compre o travesseiro para refluxo, mesmo que a criança nao tenha refluxo - essa dica veio do cursinho de gestantes que eu fiz - ele é mais seguro e evita que a criança se afogue com o leite que volta - e toda criança tem essa volta de leite, a regurgitação), carrinho, trocador, etc.
- nunca deixe a criança deitada no reto, deixe sempre elevada em uns 30 graus pelo menos (essa também veio do cursinho de gestantes), etc.
- quando ele estiver com dor, tente carregá-lo em pé em seu colo, com a cabecinha apoiada no seu ombro, e se o bebe pegar, dê chupeta;
- chupeta ajuda a melhorar, não sei por quê
- deitar o bebê do lado esquerdo ajuda a digestão e pode melhorar o refluxo
- alimente o bebê com a coluna dele sempre reta, não deixe ele se curvar sobre o estômago, sabe? Deixe durante a amamentação e até arrotar, deixe-o com a coluna bem reta e o mais sentado possível.
- evite tomar leite de vaca se está amamentando no peito - ele é a primeira causa de alergia em criancas com refluxo, mas para ter isso comprovado é preciso umas semanas de teste. Então, explosão sim pelo não, é mais fácil evitar tomar muito leite.. Não tirei os derivados do leite, mas percebi que o refluxo do Henrique piorava quando eu tomava muito leite (mesmo o sem lactose - pois a alergia que pode surgir é ao leite de vaca, não à lactose)
- tente reduzir o conteúdo das mamadeiras e dar mais vezes, para não enchê-lo muito de leite (essa é difícil e só consegui algumas vezes, pois ele chorava no fim da mamadeira e eu acabava dando mais). Não sei muito bem como fazer isso com o peito, mas acho que se pode tentar dar por menos tempo e mais vezes
- evite coisas muito fortes e picantes como pimenta, canela etc. para não passarem para o leite e irritarem o trato digestivo do bebê.

Como identificar o refluxo?

Bem, o Henrique chorava muito, muito alto, gritava até, logo depois de mamar. Chegava a chorar por horas até um medicamento fazer efeito e melhorar. Quando não passava, eu chegava a dar um banho morno nele para ele se acalmar e deixar o medicamento agir (essa foi a pediatra que me ensinou). Crianças com refluxo tem muito soluço, gritam assustadas após mamar (é o ácido do estômago subindo até a garganta), regurgitam muito, dormem pouco (o leite volta e elas acorda - se lembram disso na gravidez? Quem teve azia na gravidez sabe do que eu estou falando - eu fiquei os dois últimos meses de gravidez dormindo muito pouco pois eu acordava com o ácido subindo pela garganta e me sufocando. Era horrível. Imagine para eles, que são tão pequenininhos).  Choro é mais intenso que nos períodos de cólica. O Henrique jogava o corpo para trás e colocava a língua para fora nos períodos de crise, algumas vezes com a boquinha cheia de leite.
Hoje ele está muuuito melhor graças a Deus, mas ainda tem seus diazinhos difíceis. Li que eles melhoram gradualmente conforme o sistema digestivo amadurece. Então, fique tranquila que é apenas por um período.

Enfim, isso é o que eu me lembro agora, espero que tenha ajudado um pouco.

Bjs mil

Ahhh, dia 04/08 fez um ano da concepção do meu pequeno, e ontem (05/08 - hoje para mim ainda rsrs) fez 22 anos que comecei a namorar meu marido - olha só que datas para comemorar? Acho que sábado vamos jantar fora e celebrar, e neste ano seremos 3 na celebração!

Bjs

5 comentários:

Rose Cris disse...

Ótimo post, é sempre bom aprender!
Comemore bastante sempre a vida!!
beijocas!
Rose

http://sonhofilho.blogspot.com.br/

Lyanna Souza disse...

Excelentes dicas!!! Creio que irá ajudar muitas mamães que enfrentam o mesmo dilema com seus pequenos!!! Bjão!!!

*Marcela Lima - A mãe do Davi* disse...

Oi Dali,

Olha mto obrigada pelo post, super útil e informativo... Meu bebê ainda não nasceu (nasce sabado) mas eu ja me preocupo com isso... Entao mto legal vc dividir sua experiencia conosco...

bjão,

http://meupequenoreidavi.blogspot.com.br/

Doce Espera disse...

Refluxo é froids!!! A minha pequena teve até o sexto/sétimo mês, a pediatra comentou que assim que ela fosse capaz de sentar sozinha o refluxo passaria e..... dito e feito!!! Foi o corpinho dela ter capacidade de se ficar firme sentadinho que o refluxo sumiu!!!! Então não percam a esperança... isso passa!!!

♥ Mini Rosa ♥ disse...

Oiii...
Tudo bemm?
passei pelo seu blog

♥Parabêns pelo blog♥

Sou uma tentante,..e em busca do meu sonho...Ter um bebê!!

Que possamos compartilhar momentos juntas...

Se puder, visita meu blog..e já estou te seguindo...

Uma futura mamãe...
http://escolhidospordeus1505.blogspot.com.br/

A compra do nosso Apê
http://nossosonhocastelo.blogspot.com.br/

Querido Diário
http://meumundocorderosa15.blogspot.com.br/

bjinhos
No amor de Cristo!