sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Eu fico com a pureza da resposta das crianças... É a vida...

Pessoas, cá estou, viva depois de mais uma semana blaster excruciante... Tô de novo cansada pacas...

uma grande amiga deixou o trabalho essa semana e me fez pensar (não em largar o trabalho, isso no way), mas me fez pensar nas coisas que realmente importam em nossas vidas. E o que importa, de verdade? Podem ter certeza de que não é a casa com jardim, ou o carro novo... Li em algum lugar ontem (em mais uma noite de insônia) que a felicidade não está no que conquistamos ou buscamos, mas em ser, sentir e ver felicidade. Como? Bem, se formos pensar o que faz a vida valer a pena, deve ser ouvir a chuva lá fora, ver uma criança sorrindo, ver um gatinho dormindo, abraçar seus pais, rir com seu marido, comer um chocolate numa tarde de frio...

A vida é feita desses pequenos momentos, dessas coisas simples que nos fazem sorrir, entre todos os problemas, dores, perdas e dificuldades. No meio desse emaranhado que é nossa vida urbana, onde tudo é cinza e tudo é pressa, não percebemos mais quem está à nossa volta, não temos tempo para ver os amigos, para brincar com os cachorros, para aproveitar tantas coisas que passam e nunca mais vão voltar...

E às vezes passamos os dias fazendo o que não queremos, vivendo uma vida que não queremos, deixando o que importa para trás...

Fiz minhas promessas para o ano que vem, e entre elas está voltar a viver. Parece idiota e básico, mas passamos a vida inteirinha igual ao Adam Sandler naquele filme Click, em que tudo está no automático, vc não vê, não sente e não vive a sua própria, e única, vida.

E, bom, começando agora e pensando em 2012, eu quero viver, quero investir pesado no projeto do filho, quero cuidar de mim e quero ficar mais com minha família e amigos. Enquanto todos ainda estão aqui, enquanto ainda podemos...

beijos, bom fim de semana!

11 comentários:

Maria Livia disse...

Oi, Da! Nossa, é isso mesmo! Eu já havia me visto vivendo como no Click, sabe? Quero que chegue logo o final de semana, as férias, o ano que vem...mas cada dia que passa é um a menos que temos pra aproveitar. E cada dia tem suas coisas boas. Comecei a ver isso qd tive os negativos da FIV. Precisava encontrar a felicidade em algum lugar e a descobri ao meu lado, todos os dias. Um banho gostoso, jantar com o marido, uma conversa com um amigo, almocinho na casa da mãe...tudo é tão bom e temos isso sempre tão fácil ao nosso alcance que não damos o devido valor. Acho que, no final, o que vale é que vamos sair desta experiencia toda bem mais fortalecidas, estamos tendo a oportunidade de perceber coisas que não teríamos se nosso baby tivesse chegado rápido. Pelo menos a experiencia não está sendo em vão, pois podemos perder tudo, menos a lição.
Bjks e um ótimo final de semana!!!

Claudia Martins disse...

É assim mesmo, a minha decisão em sair da empresa que trabalho depois de quase 18 anos, é o fato de que o trabalho já não me fazia feiz...triste, né? Mas o desgaste dos anos, me fez trabalhar no automático, era tudo muito cômodo, não corria riscos, não via nada diferente.
Quero um 2012 diferente, se vai dar certo, não sei, mas quero viver, fazer o que tenho vontade, não o que devo fazer.
É isso.
Acredito muito, e isso já é um bom começo, 2012 será ótimo para nós.
Bjs.

Milamerlini disse...

SAUDADES!!!!PASSANDO PRA DEIXAR MIL BEIJINHOS E DIZER QUE LOGO ESTOU DE VOLTA COM FORÇA TOTAL!!!

Tati disse...

É engraçado como o ser humano é né...nunca damos valor ao que realmente deve ser valorizado.E sempre nos arrependemos quando já é tarde demais.
Eu tambem acredito na felicade baseada em pequenas coisas , nas coisas mais simples da vida. Por isso exitem pessoas que buscam tanto a felicidade e nunca encontram.Pq o que elas buscam dão uma sensação de felicidade apenas momentânea .Na verdade somos muito complicados.Eu costumo sempre dizer uma frase que ouvi ha muito tempo atras de uma amiga : a vida é simples , nós é que complicamos.E não é verdade?
Mas estamos aqui pra aprender...
Um beijão Dalila

"SONHANDO MAIS UMA VEZ" disse...

Oi Da, isso tudo é muito real, viver é muito mais do que isso que fazemos aqui na terra, do que passar os dias sem sentir a vida, sem saber o porque de estarmos aqui, a vida é unica e precisa ser vivida em sua intensidade, ninguem podera vive-la por nós.

Faça isso mesmo amiga, vive procure um sentido, um motivo, se agarre nele e vive a intensidade desse motivo, com certeza vai valer muito mais apena acordar pela manhã

bjks

Tainã Almeida disse...

Os adultos vivem dizendo que a adolescência é um dos perídos mais
marcantes da vida. Mais o que o adolescente pensa disso? (sinopse do meu blog)
Acessa o meu blog?
"Blog de uma adolescente"

http://blogdeumagarotaadolescente.blogspot.com/

Espero a sua visita, se gostar do meu blog, segue lá, ficarei muito feliz.
Desde já obrigada, tenha uma ótima semana.
Atenciosamente Tainã Almeida.

Camila disse...

Oie,as veses agente esquece de valorizar nosso dia a dia,as veses 1 sorriso de um desconhecido agente jah ganha o dia!rs Negocio eh todo dia antes de durmir,parar e pensar e agradecer cada momento do nosso dia!Muito legal ver vc se progamando e planejando a sua vida,concerteza as coisas vao caminhar para tudo de certo!Vou assistir video que vc me passou!Beijao

chaverdecomlimao disse...

tudo verdade, Dá!
a gente acaba colocando o trabalho e as coisas materiais em primeiro lugar e quando conquista, paece que não tem mais sentido, fica um vazio... por isso estar com a família, amigos verdadeiros, nossos pets queridos, dar atenção às coisas tão simples à nossa volta, mas que são tão importantes, nos completam. às vezes um trabalho que nos emunera tão bem, não nos possibilita viver.... às vezes queremos desafios grandes, queremos ser reconhecidas, estudar, ganhar mais e mais, cargos altos, mostrr que mulher também pode! E pode! mas deixamos tanta coisa pra trás...
que 2012 seja o ano dos sonhos realizados, de pessoas mais felizes, mais humanas!
Beijo grande!!!
Bibi

Val disse...

Oi Dali querida adorei teu post, e principalmente o título, é isso ai.
Xo, dia da marmota, xo pensamentos que nao agregam.
obrigada pelo comentário e por ser tão fofa.
Ah os remédios do Padre foi a Bibi, quem me enviou por sedex, vale muito a pena, eu ja comentei com ela ela disse que se vc quiser, escreve para ela...ok?

bjks

Ane disse...

É um exercício diário... fazer do nosso dia a dia estressante e corrido algo que nos dê prazer. Seja batendo papo com uma colega de trabalho no horário de almoço, lendo um livro no final do dia, conversando com o marido quando chega em casa, brincando e passeando com os nossos animais, fazendo um curso que goste, uma aula de yoga ou de box rs.
Beijos

Um busca de um sonho disse...

olá queridaaaa adorei teu blog estou te seguindo ta

qdo der da uma passadinho no meu blog

http://embuscadeumsonho1.blogspot.com/